Blog do Ninho

Acompanhe nosso blog de Marketing Digital com notícias sobre Marketing, novidades, ferramentas e tudo o que você precisa para traçar as melhores estratégias.

Home / Blog do Ninho / Tendências do Design: dicas de identidade visual para startups

Tendências do Design: dicas de identidade visual para startups

Tendências do Design: dicas de identidade visual para startups
Conecte-se no Linkedin: Linkedin

O Tendências do Design do mês de julho é sobre startups! E aí, vamos entender mais sobre a identidade visual ideal para essas empresas?

Nessa cultura de inovação, não é somente nas ideias em que a criatividade é exigida, a tendência do design nas startups também precisam ser criativas e fora da caixa. Por tanto, para ajudar você nisso, trouxe algumas dicas incríveis sobre o assunto! Partiu? 😁

O que é uma startup?

Startups são empresas inovadoras e com tendência à disruptividade. Seus números vêm crescendo a cada ano e hoje, no Brasil, temos em média 6 mil startups cadastradas na Associação Brasileira de Startups (ABStartups). Muita coisa, né?
Agora, vamos explorar o mundo visual dessas empresas.

Tendências do Design nas startups

Como já dito, as startups são empresas que prezam pela inovação, mas isso não significa que elas não apreciam o queridinho design clean, que nos últimos anos vem sido tendência para quase todos os segmentos. Os motivos são fáceis de ser entendidos. Dá uma olhada nos exemplos aqui embaixo: 

Home do site do Rappi

Home de site de exemplo

Nas duas imagens, temos sites de startups do ramo alimentício. A primeira é claramente mais poluída visualmente, com um fundo de madeira no bloco – que remete o contrário de inovação – e cores muito contrastantes entre si. A segunda, da empresa Rappi, já tem bem menos cores que ainda conversam entre si, deixando um visual agradável, e o branco é a cor principal, sendo bem clean.  

Obviamente, se o produto ofertado pelo primeiro exemplo for único e inovador – mesmo seu design não sendo o mais atrativo – seu público não deixará de adquiri-lo. Porém, para melhor aceitação dos usuários e também para dar valor à marca, é importante dar uma atenção a esses pequenos detalhes que no final constroem a identidade da empresa. 

Vamos ver então os elementos que influenciam na tendência de design das startups. 

Quais cores são as melhores para representar uma startup?

Se eu pudesse dizer que esse tópico deveria ser inexistente, eu faria! Startups são empresas, ou seja, elas podem ser de qualquer ramo: tecnológico, alimentício, industrial, etc. Sendo assim, não existem cores ideais para startups num modo geral.

Apesar dessa constatação, há maneiras de trabalhar cores que são tendência nesse mundo de inovação. E ai, vamos ver quais são? 

1. Cores sólidas

Já falei anteriormente que o design clean está muito presente nesse universo visual, e existe algo mais clean que cores sólidas sendo aplicadas numa arte? Pois é! 

Abaixo peguei dois exemplos da comunicação digital do EBANX, startup curitibana que hoje atua em 5 países, incluindo Inglaterra e Singapura.

Home do website do Ebanx

Post para Facebook do Ebanx

Perceba que não existe um trabalho elaborado com texturas ou patterns, apenas as cores sólidas junto de elementos – fotos, fontes e alguns pequenos detalhes geométricos. 

Isso que chamamos de design minimalista, por conter poucos elementos e – convenhamos – funciona muito bem! 

2. Degradê

Ah, o degradê… Essa técnica por alguns anos foi recusada pelo público – principalmente pelos designers 😅 – até que o Instagram resolveu quebrar essa barreira e mudou sua logo – que antes era feito com uma sólida – para um degradê de diversas cores. Depois disso, marcas começaram a aderir essa tendência e hoje já é bem aceita pelo público.  

Um bom exemplo que trago novamente é o Rappi, que se baseia nas cores de sua logo para criar os degradês de sua comunicação.

Post para Facebook do Rappi

Claro, não são cores muito contrastantes entre si. Geralmente, esses degradês são sutis, apenas para dar um “tchan” ao design. Veja abaixo o bloco de pesquisa da startup de aluguel de carros, a Moobie:

Bloco de pesquisa da Moobie

Podemos perceber uma leve mudança de cores da esquerda para a direita: do azul para o verde água, e esse detalhe já trás uma sensação de inovação, tecnologia e segurança. 

3. Bicromia

Essa técnica com certeza tem um cunho inovador., afinal, a bicromia – ou duotone – remete muito à pop arte, porém de forma mais modernizada. Basicamente consiste na sobreposição de duas cores em uma imagem. Seria, também, um substituto do degradê e traz consigo um “quê” de inovação. 

Aqui embaixo vou deixar dois exemplos bem legais pra você se inspirar:

Post do Instagram para o Olist utilizando o amarelo e o roxo para criar a bicromia

Banner do Linkedin da Troque Fácil utilizando o rosa e o roxo para criar a bicromia

Dica! O Duotone é um site bem bacana que você pode criar seu próprio efeito de bicromia e aplicar na imagem que quiser. Dá uma olhadinha! 

Quais fontes são tendências do Design para uma startup?

Sabendo que as startups estão muito presentes no meio digital – justamente por serem inovadoras e tecnológicas – é importante focar na usabilidade em dispositivos móveis – como smartphones, tablets e computadores. Então, minha primeira dica sobre fontes é: utilizar fontes do Google ou da Adobe, porque elas são compatíveis com esses dispositivos, verdadeira fontes web

Agora, falando sobre o visual, fontes sem serifa e de boa leitura são as ideais para startups. Caso surja a vontade de ter uma fonte serifada, opte pelas serifadas slab, que dão um toque moderno à um estilo de fonte considerado tradicional. 

Vou listar abaixo algumas fontes Google que gosto bastante para trabalhar:

E as fotos? Existe algum estilo ideal para as startups?

Pessoas. Pessoas por todos os lados!

Startups, além de serem empresas com tendência à disrupção, também tendem a prezar muito pela afinidade e o cuidado com o ser humano – que, no final de tudo, são seu foco por serem o público-alvo e também por serem seus funcionários. Por isso, empresas como NuBank, Cargo X, Uber, etc. utilizam muitas imagens com pessoas em sua comunicação, mostrando que elas são importantes para as empresas. Trouxe alguns exemplos abaixo de como as marcas trabalham com as fotos que são tendências do Design.

Banner do site do Nubank

Banner do site da Cargo X

Banner do site do Uber

Algumas empresas, para consolidar a sua identidade, coloca filtros para lembrar as cores da marca (no caso do filtro roxo do Nubank) ou em elementos da fotografia (como a parede azul ao fundo no banner do Uber). Esses elementos reforçam o posicionamento da marca e seu design para o mundo.  

E aí, gostaram do conteúdo? O melhor de tudo é que as dicas e tendências do Design podem ser usadas em qualquer etapa do negócio, até no rebranding de marca. Aproveite e compartilhe esse conteúdo nas suas redes sociais para espalhar nossas dicas!

Compartilhe esse conteúdo:
Facebook Twitter Whatsapp Linkedin
Sobre o(a) autor(a)
Anna
Linkedin
Anna Forlepa

Sou Head of Design aqui no Ninho 😊! Passo mais tempo com meus gatos do que deveria e não me arrependo. Tenho fascínio pela experiência que o Design proporciona na vida das pessoas e sou apaixonada pela minha profissão. Formada em Publicidade e Propaganda pela PUC-PR e pós-graduanda em Gestão de Marketing pela Universidade Positivo.

Deixe seu comentário

Materiais para você relacionados