À medida que o comportamento do consumidor muda, o Marketing Digital se transforma também. Isso porque os profissionais da área precisam saber como atender às dores do consumidor e afinar o diálogo com o público. Hoje, uma parte da população muito decisória na hora de consumir é a Geração Z, um grupo bastante singular de pessoas nascidas na virada do milênio e que prezam pela sustentabilidade e pelo desprendimento de bens materiais.

Geração Z e Marketing: você precisa de estratégias para esse público.

Mas ainda tem muito por trás dessas pessoas engajadas e dispostas a criar uma nova forma de consumir e comprar. Hoje, qualquer pessoa que tenha um negócio de qualquer porte ou setor precisa saber como atrair esse público que, embora seja desapegado, pode ser bastante fiel quando cativado.

Se você ainda não separou uma fatia da sua estratégia de Marketing Digital para atrair essa geração, é bom ficar de olho. Para ajudar você nisso, preparamos esse conteúdo com tudo o que você precisa saber sobre o assunto. Ficou curioso? Continue a leitura!

A Geração Z valoriza a sustentabilidade

Nunca uma geração se preocupou tanto em utilizar os recursos naturais do planeta de forma sustentável. Hoje existe preocupação, já que há grandes ameaças à vida na Terra resultantes de acúmulo de lixo, desmatamento, uso de energia pela indústria e pelo agronegócio, exagero na produção de plástico e mais uma infinidade de problemas que o consumo em excesso das últimas décadas proporcionou ao mundo. 

Sustentabilidade é abordagem para geração Z e marketing.

Com essa angústia real da Geração Z, a busca por empresas e produtos que se preocupam com a preservação ambiental é grande. O interesse em conhecer a trajetória da matéria-prima até que ela se torne produto final é decisória, por isso, é importante que você e sua marca comecem a pensar em iniciativas que vão na mesma direção da sustentabilidade.

Você pode diminuir o número de impressões de papel, abolir o uso de produtos de origem animal ou até apostar em instalação de placas de energia solar para sua empresa. Existem diversas formas de mudar o futuro das próximas gerações e, para golear, atrair novos clientes e consumidores.

É essencial ser mais do que uma marca; é preciso que as bandeiras, as causas e as posturas da empresa se conectem com os valores deste novo cliente.

Consumidores são desprendidos de bens materiais

A ideia de acumular patrimônio sempre foi bastante enraizada na nossa sociedade. Por status ou por senso de emergência, sempre nos foi passado que quanto mais tivéssemos, mais felizes seríamos. O resultado disso foi o aumento da ansiedade, do consumo e da incidência de depressão entre crianças, adolescentes e adultos.

Essa nova geração está na contra-mão dessa visão de posse e é desprendida de bens materiais. Sim, eles querem ter seu próprio apartamento e não abrem mão dos produtos tecnológicos, mas tudo isso é adquirido na medida da necessidade e sem apegos que possam comprometer sua independência no futuro. 

Uma prova disso é a tendência de apartamentos compactos no mercado imobiliário. A preocupação maior é ter um local para descansar entre uma experiência e outra da vida, por isso, não há a necessidade de espaço, que só vai consumir o tempo e isolá-lo da sociedade. 

Geração Z e Marketing: consumidor quer experiência

Mostre ao novo consumidor que sua marca ou produto propiciam experiências de vida, não posse. Não atentar para essa tendência pode ser fatal no mercado que tem a Geração Z como consumidora.

Clientes desta geração são engajados

Uma marca muito forte dos consumidores jovens é o engajamento. Não importa com o quê; a maioria está na luta por alguma causa que seja socialmente relevante. Pode ser a causa dos animais, do feminismo, do meio-ambiente ou da justiça aos mais vulneráveis economicamente. 

Esse comprometimento com o coletivo reflete-se também no consumo, uma vez que a Geração Z prioriza marcas que vestem a camisa das causas que lhe são simpáticas. Com as redes sociais isso ainda é mais evidente: uma marca pode ganhar milhares de novos admiradores em poucas horas com uma única postagem, mas também pode perder consumidores na mesma proporção se cometer algum deslize.

Um exemplo claro disso foi o que aconteceu com a fabricante de massas italiana Barilla, em 2013. O presidente da empresa declarou que jamais contrataria um ator homossexual para uma de suas propagandas, o que gerou ira na comunidade LGBTQIA+. Mesmo se desculpando após a repercussão, muitas pessoas continuam a boicotar e se recusam a consumir os produtos da marca, mesmo tanto tempo depois.

Esse episódio só mostra que, embora não seja obrigatório, um posicionamento que esteja em concordância com os valores com que a sociedade se preocupa e tem apreço pode contribuir e alavancar as vendas. Ah, e aproveite a dica: pense muito antes de postar algo nas redes sociais.

Engajamento: essencial para estratégias entre Geração Z e Marketing.

Compartilhamento é valorizado pela Geração Z

Exatamente pelo consumo desenfreado e uso abusivo de recursos naturais para manter o dia a dia das pessoas em ordem, hoje o compartilhamento é muito valorizado pela Geração Z. Esse comportamento de dividir está presente nos espaços públicos e também no uso de objetos e recursos necessários no dia a dia.

Um exemplo claro disso é a febre das bicicletas e patinetes compartilhados pela cidade. Além de não poluírem, eles contribuem para que o trânsito seja mais tranquilo, diminuem o número de carros nas ruas e são acessíveis a quase qualquer bolso. O resumo? Mais pessoas compartilhando os espaços e os meios de transporte. 

Geração Z e Marketing: aposte na convivência.

Aplicativos de transporte e carona também ganharam pontos com esses consumidores, que pagam menos por suas corridas e ainda evitam que mais veículos saiam das garagens diariamente e quase vazios. 

A Geração Z também valoriza os espaços de convivência, como os escritórios coletivos e áreas comuns dos novos empreendimentos imobiliários. Tudo para que a experiência de vida seja cada vez mais rica e para que tudo seja utilizado por todos quando assim for necessário.

Dependendo do seu produto ou serviço prestado, é importante pensar em oferecer mais do que o objeto de consumo, mas sim uma nova visão de mundo. Nesse prisma, a convivência, a colaboração e o compartilhamento ditam o comportamento e são cada vez mais importantes para a Geração Z.

Se você busca por uma conversa franca e honesta com sua persona, o ideal é estudar sobre o comportamento do consumidor e confiar essa missão a agências de Marketing Digital que sabem como dialogar com ele. Gostou de saber mais sobre os comportamentos e as prioridades da Geração Z? Aproveite e conheça os nossos serviços para divulgar sua marca sem erros e com o discurso adequado!

Comentários(1)

  • Dandy Passuello
    15 de outubro de 2019, 08:06  Responder

    Adorei o conteúdo!!!

Deixe um comentário